Da falta de atenção das pessoas

Ontem apliquei uma avaliação para meus alunos da disciplina de “Ciência Política e Teoria Geral do Estado” para determinada turma para a qual dou aula.

Em uma das questões coloquei como opções de resposta os seguintes itens:

a) São verdadeiros os itens 1, 2 e 3 e falsos os itens 4 e 5.

b) São verdadeiros os itens 1, 2 e 4 e falsos os itens 3 e 5.

c) São verdadeiros os itens 1, 2 e 5 e falsos os itens 3 e 4.

d) São verdadeiros os itens 1, 4 e 5 e falsos os itens 2 e 3.

e) São verdadeiros os itens 2, 3 e 4 e falsos os itens 1 e 2.

O leitor atento deve ter percebido o erro existente na letra “e”, pois na resposta sem querer coloquei o item 2 como verdadeiro e falso ao mesmo tempo.

Vinte e três pessoas responderam a este tipo de avaliação. Destas, apenas seis me chamaram e informaram que identificaram o erro. Ok, posso pressupor que os demais viram que estava errado e decidiram não me questionar nada.

Mas o que me surpreendeu foi o fato de que, das 23 pessoas que responderam a esta pergunta, cinco marcaram como resposta correta justamente a letra “e”. Ou seja, mais de 20% dos respondentes afirmaram que uma afirmação pode ser verdadeira e falsa ao mesmo tempo.

Alguém pode me explicar o por quê disto acontecer?

0 comentário sobre “Da falta de atenção das pessoas

Deixe um comentário:

%d blogueiros gostam disto: