Os fins não justificam os meios

Os fins não justificam os meios

Diferentemente do que muitos por aí pensam, os fins não justificam os meios. *** É senso comum atribuir a frase “os fins justificam os meios” a Maquiavel. Muitos “leitores” do livro O príncipe assim interpretam o conteúdo do livro. E são “leitores” entre aspas mesmo, porque não o são verdadeiramente. Já falei bastante sobre este … Ler mais

A separação de poderes para Os Federalistas

Na semana passada falei sobre a separação de poderes para Montesquieu. Hoje volto ao tema, mas desta vez vou falar sobre a separação de poderes para Os Federalistas. Já falei bastante sobre eles aqui no site, e inclusive você pode pegar um resumo d’Os artigos federalistas clicando neste link. De toda forma, o tema é atual … Ler mais

A separação de poderes para Montesquieu

Olá pessoal! Mais uma semana se inicia e vamos hoje falar sobre a separação de poderes para Montesquieu. Montesquieu, autor francês do século XVIII, é visto como o criador da teoria da separação dos poderes. Inspirando-se em Locke, o autor propõe a distinção entre os poderes Executivo, Legislativo e Judiciário. E esta distinção tornou-se “padrão” no chamado … Ler mais

John Locke e o Estado liberal

Olá, pessoal! Hoje vou falar sobre John Locke e o Estado liberal – ou melhor, sobre as ideias de John Locke e sua importância para o surgimento de um Estado de cariz liberal. Locke é um autor inglês, assim como Hobbes. Os dois foram contemporâneos, ainda que Locke tenha nascido quando Hobbes já estava chegando … Ler mais

O surgimento do Estado para Thomas Hobbes

Dando continuidade às “segundas acadêmicas”, divulgo aqui alguns apontamentos meus sobre o surgimento do Estado para Thomas Hobbes. O autor inglês do século XVII é extremamente relevante especialmente quando se considera o contratualismo presente em sua teoria e, mais que isso, como um expoente do Estado moderno na atualidade. Deem uma olhada no texto abaixo e … Ler mais

Thomas Hobbes e tatuagens

Você, leitor, talvez tenha se surpreendido com o título desta postagem. Deve estar se perguntando: afinal, qual a relação entre o pensador inglês Thomas Hobbes e tatuagens? Para aqueles que não sabem, Hobbes é um autor do século XVII que fala sobre a formação do Estado. De maneira resumida, a teoria de Hobbes indica a … Ler mais

Ilegalidade é ilegalidade – Lenio Streck

Ilegalidade é ilegalidade. Não tem cor, sexo, sabor, ideologia. Se aceitarmos que o Direito seja substituído por juízos morais ou políticos, não mais teremos Direito. Um turbilhão de ilegalidades e inconstitucionalidades está colocando em risco a democracia brasileira. Estamos à beira de um Estado policial (se já não estamos). Há uma tempestade perfeita para uma … Ler mais

Diretas já?

Diretas já?

Os desdobramentos políticos dessa semana que se passou levaram ao surgimento de um movimento por eleições diretas. Fica então a pergunta: devemos ter um “novo” Diretas já?. Digo “novo” porque utiliza-se da mesma nomenclatura de 30 anos atrás, ainda que em circunstâncias bem distintas. Vale então fazer a pergunta: devemos ter eleições diretas neste momento? Se … Ler mais

“Me explica o que está acontecendo”

me explica o que está acontecendo

Meu querido amigo Henrique Chaves de Campos me perguntou: me explica o que está acontecendo?. Referia-se ele à situação atual do Brasil. Na minha modéstia respondo: é a consequência de um cidadão alienado. É a consequência da pessoa que quer olhar só pro seu próprio umbigo e “dane-se o resto”. Se há um responsável a … Ler mais

Descrença com democracia e o populismo

Conforme reportagem disponibilizada na Folha, há clara relação entre a descrença com democracia e o populismo. É o que diz a entrevista com o pesquisador Larry Diamond, como se vê a seguir. Por questões pessoais, não consegui escrever um texto meu para publicar aqui hoje. Mas não poderia deixar de compartilhar com vocês a entrevista … Ler mais